FREIO: SEGURANÇA EM PRIMEIRO LUGAR
O freio é um dos itens mais importantes na manutenção do seu carro. Hoje os sistemas de freio são mais confiáveis pois possuem circuito duplo, porem, para seu perfeito funcionamento depende que o usuário execute periodicamente revisões. Sempre que possível o manual do proprietário deve ser seguido no que diz respeito a estas manutenções.
Discos e/ou tambores, pastilhas, fluídos e mangotes necessitam de ser periodicamente verificados. Esta freqüência dependerá das condições de uso do veículo, da forma como é conduzido e principalmente do piso onde roda.Quando as pastilhas de freio estiverem para ser trocadas é importante verificar o desgaste dos discos de frenagem. Se houve atrito da sapata de ferro das pastilhas com o disco será necessário a troca dos discos. Mesmo que não tenha havido este atrito sua espessura deverá ser medida, observando-se aquela indicada pela montadora do veículo em seu manual.
No caso dos tambores de freio é recomendável sua retífica quando for efetuada a troca das lonas.
O fluido de freio
é higroscópico, ou seja, absorve água do meio ambiente. Devido a isto ele passa a corroer parte do sistema de frenagem, além de que a água que o está contaminando se espande reduzindo sua capacidade de frear. Ele deve ser substituído a cada 30.000 km ou após um ano de uso, por um que atenda as exigências e especificações da montadora.
Observe no painel do seu carro a luz indicadora do freio. Se estiver acesa constantemente é porque seu sistema está com um possível vazamento.
Nunca sobrecarregue seu carro acima da capacidade estipulada pelo fabricante pois acarretará num esforço extra do sistema de freios.
Utilize, na reposição, sempre pastilhas, fluido ou lonas originais ou de fabricante de primeira linha.
Não deixe de solicitar seu mecânico de confiança que faça uma manutenção preventiva pelo menos duas vezes ao ano.

Jamais se esqueça de que sua vida, de seus familiares e de outras pessoas dependem de um sistema de freios funcionando perfeitamente.

0 Response to " "

Postar um comentário